TRADIÇÃO X PRECAUÇÃO

Momentos festivos fazem parte das nossas vidas e são importantíssimos para o bem viver em sociedade. Festejar as conquistas, as promoções, as alegrias é tudo de bom. Sem sombra de dúvidas que os festejos juninos são momentos maravilhosos. Tempo de rever amigos e familiares, pular fogueira, dançar forró, baião e arrastar o pé no salão. Contudo não podemos esquecer que existe uma mistura que quase sempre termina mal, quase sempre acaba a festa e fecha a cortina, infelizmente os acidentes de trânsito têm feito acabar antes do horário o “SHOW DA VIDA” de muita gente, sobre tudo dos mais jovens, mas não são apenas os jovens, adultos, idosos e crianças, todos somos vítimas de nós mesmos. Sim, de nós mesmos! Para que possamos mudar essa realidade é necessário adquirir hábitos seguros no trânsito, não deixe para aprender depois que o acidente acontece, aprenda antes para que possamos diminuir os números de acidentes e mortes no trânsito, são atitudes simples que fazem toda a diferença. Se for beber não dirija, o álcool altera a percepção do condutor e faz com que suas reações sejam retardadas; Use o cinto de segurança, condutor e passageiros, ele é muito útil para aumentar a chance de vida em caso de acidente de trânsito; Não ultrapasse em local proibido, com pouca visibilidade, próximo de faixas de pedestres e semáforos; Controle a velocidade do veículo, o excesso de velocidade e um agravante fatal nos acidentes de trânsito. Leve sua educação para as Ruas e Rodovias nesse período de festas, gentileza gera gentileza, seja ético no trânsito também, pois assim como na política precisamos de bons exemplos, no trânsito não é diferente, seja um condutor cidadão. Boas festas, e lembre-se, existem pessoas esperando por você.
Por Wagne Melkart – Consultor de Trânsito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.