Pedro Honorato escreve: ‘ALIMENTAÇÃO E SAUDE, FAÇA A DIFERENÇA’

A primeira necessidade dos seres vivos é a alimentação, portanto esta deve ser bem selecionada para garanti o objetivo de nutrir o organismo manter o corpo saudável. Porem aos alimentos passam por um processo de qualidade, sem essa os danos são inevitáveis, doenças como: Gastrite, diabetes, obesidade, colesterol elevado e hipertensão são algumas causas da alimentação de forma errada. Essas são as principais doenças ligadas à má alimentação. Portanto, uma vida saudável necessariamente passa por uma alimentação equilibrada, isso é preciso que aconteça desde muito cedo, e desenvolver hábitos alimentares que reduzem a incidência dessas doenças.

Segundo a ciência, a gastrite se caracteriza por uma inflamação na mucosa do estômago, provocada, em parte, por má alimentação e a realização de poucas refeições por dia. Para evitar que ela ocorra, uma dica importante é fracionar mais as refeições. Ou seja, comer em pequenas porções ao longo do dia, além disso, é importante evitar alimentos que irritam a mucosa do estômago, tais como café, frituras, doces, bebidas alcoólicas, alimentos condimentados e outros.

A Diabetes do tipo II está diretamente relacionada com o excesso de peso e a obesidade. Portanto, para prevenir o seu aparecimento, é imprescindível procurar um nutricionista para elaborar um cardápio de acordo com as suas necessidades. De forma geral, é importante reduzir o consumo de carboidratos, gorduras e promover uma reeducação alimentar e fazer exercícios físicos.

O colesterol é um tipo de gordura encontrada em nosso organismo importante para o seu funcionamento normal. No entanto, o aumento nos índices de colesterol LDL, um dos tipos de colesterol pode provocar infarto e derrame, pelo acúmulo em artérias e coronárias. Segundo a associação brasileira de cardiologia cerca de 70% do colesterol é produzido pelo nosso próprio corpo e 30% é proveniente da dieta. Assim sendo, é importante consumir de forma moderada alimentos ricos em gordura e evitar alimentos industrializados ricos em gorduras trans e aumentar o consumo de fibras e praticar exercícios.

É uma doença caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura corporal. A obesidade pode ser provocada por diversos fatores. Dentre eles, a redução do gasto energético e a ingestão excessiva de calorias. Assim como no caso da Diabetes, é importante promover uma reeducação alimentar total e fazer atividades físicas. A alimentação também deve ser elaborada por um profissional de nutrição. 

A hipertensão é uma das doenças com maior incidência no brasil e no mundo e se constitui um fator de risco para doenças cardiovasculares, a hipertensão é o aumento da pressão arterial. Para prevenir o seu aparecimento, é importante reduzir o consumo de sal de cozinha e alimentos ricos em sódio, como os industrializados. Praticar atividades físicas também é importante. Exercícios físicos moderados e ter uma alimentação equilibrada ajudam a prevenir entre esse e outra série de doenças. 

Pedro Honorato

Profissional de saúde

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *