Moradores encontram Mico morto, na mata do Pó-só, em Morro do Chapéu.

Na manhã desta sexta (5), a vigilância epidemiológica do município de Morro do Chapéu foi acionada por moradores da rua Caetano Dutra, próximo ao Sindicato de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais, na famosa e histórica Mata do Pó-só, por estes terem encontrado um Mico (pequeno macaco), morto ao solo da região.
Buscando informações via telefone com a Coordenadora da Vigilância, Senhorita Camila, esta nos confirmou a informação e nos tranquilizou quanto à situação, pois, todas as providências foram tomadas para a devida avaliação, recolhendo o animal e encaminhando-o ao Laboratório Central (LACEN). Informou-nos também que, por se tratar de apenas um animal e não de um bando ou uma quantidade deste, em princípio, não há necessidade de nenhum alarde, visto que a autoridade de saúde está encaminhando todos os procedimentos para controle da situação, inclusive, solicitando que os moradores atendidos no PSF Vale Ouro, na rua José Marcelino, ao serem abordados pelos agentes de saúde  e ou endemias, informem se as crianças a partir de 9 meses ou qualquer adulto já tomou a dose de vacina contra a febre amarela. Daí, somando-se ao resultado da autópsia no animal, conforme os resultados, outras medidas preventivas ou até curativas, deverão ser adotadas.
‘Não há razão para preocupação, aguardemos os resultados’, afirma Camila.
A nós do LRN, fica a vigilância pela informação, especialmente pelo fato das autoridades estaduais de saúde com relação a morte destes primatas,não-humanos, serem reiteradas vezes buscadas pela imprensa para esclarecerem outras situações semelhantes , ligadas á febre amarela, doença que afetar os animais e ser retransmitida aos humanos.
Agradecemos ao pronto atendimento da profissional de saúde, colocando o nosso espaço à disposição para quaisquer esclarecimentos posteriores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *