Maria Gabriella escreve: ‘A PROTEÇÃO À CRIANÇA É DE REPONSABILIDADE NOSSA’

Durante esses dias foi visto nas redes sociais do cantor Wesley Safadão um vídeo que mostrava um homem abraçar uma criança por trás e aparentemente tocava os seios da menina, que se afastava e ao fazê-lo, o homem abaixava a blusa, dando a entender que estaria excitado.

Como quase tudo na internet, esse vídeo, gerou uma polêmica, principalmente diante do argumento defendido pelo cantor que dizia que o homem, Pastor de Wesley, estaria apenas num momento de descontração e jamais faria isso a uma criança. Complementou dizendo que o pastor estaria apenas abaixando a blusa para não mostra que estava acima do peso.

O fato é que, se o toque na parte íntima da criança ocorreu de fato, como deu a entender no vídeo, se caracteriza uma infração penal. Mas até ser comprovado não há crime, criminoso, vítima e muito menos pena. Por se tratar de uma criança a situação fica mais complicada, pois quem deveria ir atrás da situação seriam os pais ou responsáveis, à priori.

Ainda em 2021, com estatísticas, relatos, discussões… existe um tabu fortíssimo em cima desse tema. Infelizmente, é associado que pessoas que deveriam ser de confiança, não fazem atos de atrocidades e ou cometem crimes. Ideia essa que precisa ser retirada com urgência de nossas cabeças, por uma questão de proteção a nossas crianças. É difícil? Sim e muito. Mas, necessário.

Os danos sofridos por uma criança permanecem em sua vida por anos. Por isso, convido-os a assistirem meu relato no Instagram: @mariabacaarsi (link: https://www.instagram.com/tv/CR2IPrYp5W4/?utm_source=ig_web_copy_link).

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: