Jovem usa as redes sociais para comunicar primeiro caso de Coronavírus em sua família na cidade de Ourolândia

No final da tarde desta terça-feira, 26 de maio de 2020, a jovem Suelly Silva usou as redes sociais para demostrar insatisfação com o atendimento do Hospital Municipal de Ourolândia.

Suelly relata que no dia 22 de maio levou seu pai no atendimento com febre, tosse e falta de apetite. A mesma questionou se o seu pai tinha sintomas de Covid-19 e pela avaliação, a médica descartou a suspeita. Já no domingo, 24, Suely percebeu uma piora no quadro de saúde do seu pai e o levou novamente no atendimento médico. Suelly pediu que fosse feito um teste rápido e o plantonista também descartou a possibilidade de ser coronavírus.
Nesta terça-feira, 26, Suely levou seu pai para uma clinica em Jacobina que acionou a Vigilância Epidemiológica, que fez o teste rápido, dando positivo para o Covid-19. A Vigilância Epidemiológica de Jacobina entrou em contato com a Vigilância Epidemiológica de Ourolândia, que foi até a residência de Suelly e realizou testes em todos os 11 familiares e os resultados deram negativos.
O pai de Suelly encontra-se internado no Hospital Regional de Jacobina e a equipe disse que o período pior dos sintomas ele já passou, pois já tem 8 dias que o mesmo começou a sentir os sintomas. A jovem pede que todos redobrem os cuidados, que se previnam contra vírus, exaltando a sua indignação pelo fato de por duas vezes o Hospital de Ourolândia não ter optado por fazer o teste rápido no seu pai.
Fonte: Augusto Urgente!
A prefeitura de Ourolândia emitiu nota e apresentou o Boletim oficial:

 

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: