Em Morro do Chapéu, não bastasse uma tentativa de homicídio, mais um caso de Maria da Penha

  • Na madrugada de hoje (28),  por volta das 02:50h, recepcionista de plantão no Hospital e Maternidade São Vicente de Paulo, entrou em contato com a Guarnição PM de plantão e em ronda, informando que o Sr. Sérgio Santos das Neves, residente no Bairro Alto da Chapada, deu entrada na emergência, vítima de perfuração de arma branca na região das costas e braço direito, acusando um outro, por nome  Demi. Após o atendimento, medicação e liberação da vítima pelo médico plantonista, a Guarnição ouviu o mesmo que não soube precisar o seu endereço nem o local onde se deu o. Apesar das rondas realizadas no Bairro Alto da Chapada com o intuito de capturar o autor, a PM não obteve sem êxito;
  • A outra situação aconteceu no povoado de Umburaninha, por volta das 20h da segunda (27), quando a Srª Poliana Estevam de Souza Tavares, também em contato telefônico com a GU de plantão, informou que o seu companheiro, o Sr. Reinivan Tavares de Souza a ameaçou, expulsou da sua residência, destruiu o patrimônio e queimou suas roupas, obrigando-a a buscar proteção na casa dos pais, tendo esta residência também invadida pelo agressor que ainda ameaçou seu pais. A viatura conduziu a Guarnição o povoado e comprovou a veracidade dos fatos, imprimindo diligência para capturar o agressor, porém, ao perceber a aproximação da viatura, este fugiu pelos fundos. A vítima foi orientada a registrar Boletim de Ocorrência na delegacia Territorial de Morro do Chapéu.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: