Professora denuncia aluno de 15 anos por agressão em escola de SC: ‘Dilacerada’


Uma professora de uma escola de Indaial, no Vale do Itajaí [Santa Catarina], registrou boletim de ocorrência na manhã desta segunda-feira (21) contra um aluno de 15 anos. Ela disse à polícia que foi agredida por ele com socos dentro da escola. Em entrevista à NSC TV, a professora relatou que o soco foi “violento”. “Um menino de 15 anos, alto, forte, um homem. Eu sou uma mulher pequena, uma mulher de 1,65 metro”, contou, em áudio. A professora disse à polícia que chamou a atenção do aluno por ele estar com o livro debaixo da mesa e, com o objetivo de fazê-lo focar mais na aula, pediu que ele colocasse a publicação em cima da mesa. Em seguida, o estudante ficou alterado e disse para a professora “se f…”. Diante disso, segundo o boletim de ocorrência (B.O.), ela pediu que o aluno fosse para a sala da direção. Antes de ir, ele jogou o livro em direção a ela, na frente dos demais estudantes. Ao chegar à direção, o adolescente negou o ocorrido, exaltou-se e chamou a professora de mentirosa. Em seguida, deu socos nela, o que causou uma lesão no olho. “Fizemos o B.O. e demos a guia para ela ir à perícia fazer o exame de corpo de delito. Em seguida, estamos instaurando um auto de apuração de ato infracional contra o adolescente”, afirmou o delegado José Klock, que investiga o caso.

http://noticiasdesantaluz.com.br

Comments

Comentários

Anterior Secretaria da Educação da Bahia realiza nova convocação de professores pelo REDA. Veja a lista!
Próxima 22 de agosto, dia do Folclore, aniversário da Campinense - octa-campeã municipal de futebol, em Morro do Chapéu. Quer mais folclórico que isso?