LIVRES desponta como uma nova opção na política


Em meio à grave crise política que o Brasil atravessa, novos participantes estão entrando no cenário politico.

Atualmente, o Brasil possui 35 partidos e mesmo assim, 94% da população não se sente representada por nenhum deles.

Diante dessa situação temos mais uma novidade.

Com caminhos práticos e pragmáticos para a efetivação de reformas liberalizantes no Brasil. Surge o LIVRES, um movimento que nasce dentro do Partido Social Liberal (PSL).

Fundado há 18 anos com um programa partidário baseado na defesa do liberalismo, o PSL iniciou após as eleições de 2014 um amplo plano de reformulação.

Aos poucos, o PSL vai se transformando em LIVRES. O diretório Nacional da sigla já é controlado pela linha liberal. Pelo menos dez diretórios estaduais também.

Como um novo projeto político para o Brasil. O LIVRES defende redução de impostos. São a favor das privatizações.

Defendem que a inclusão econômica é a melhor forma de combater a pobreza. O voto e o serviço militar devem ser voluntários.

São a favor do direito de autodefesa. Ou seja, contrários ao estatuto do desarmamento.

Ao todo, são 17 compromissos defendidos pelo LIVRES.

O desempenho do partido, obtendo 487.592 votos em todo o Brasil, nas eleições de 2016. Demonstra que existe um anseio, juntamente, com a população por pautas liberais.

Fonte: Telegra

Comments

Comentários

Anterior Léo Ricardo Fala 15 08 17: Conselho de Saúde delibera sobre PPA, aniversariantes, áreas hospitalar e policial, Pai Marcelo e o tratamento aos bandidos no Brasil, eleições da Liga Morrense de Futebol. Acompanhe!
Próxima Rui atende professores e anuncia concurso com 3,4 mil vagas