Jacobinense ganha prêmio Nacional de Pesquisa em Jornalismo


O jornalista jacobinense, Ilton Porto, venceu o prêmio Nacional”Adelmo Genro Filho” de pesquisa em Jornalismo. A monografia, ” Põe a cara no sol, mona”: a heteronormatividade no exercício da profissão do jornalista gay, competiu na categoria ” Trabalho de Conclusão de Curso/ Iniciação Científica. A pesquisa foi orientada pela professora Dra Sara Alves Feitosa.

Este é segundo prêmio de âmbito nacional que o jacobinense vence sob a orientação da professora Sara. No ano passado, eles venceram juntamente com a jornalista Larissa Vargas, o prêmio de ” Exposição de Pesquisa em Comunicação “(Expocom), na categoria ” Comunicação e Inovação” com o aplicativo ” TransFormação”. O aplicativo serve como guia para jornalistas em coberturas sobre travestis e transexuais.

A sua monografia mapeou as expressões de heteronornatividade vivenciadas pelos jornalistas gays na profissão. Muitos sofrem o estigma, preconceito e acabam se autocensurando na redação. A pesquisa se torna relevante em tempos de ” cura gay” e homofobia. Servindo como diagnóstico para empresas jornalísticas no que tange as questões de gênero. A cerimônia de premiação do Prêmio Adelmo Genro Filho acontece no dia 8 de novembro na Universidade de São Paulo (USP), o Ilton Porto estará lá representando a nossa cidade.

jacobinanoticia.com.br

Comments

Comentários

Anterior Itaberaba está de luto
Próxima WhatsApp Business já está em fase de testes e pode ser usado com número fixo