Centro-Norte: Piritiba recebe Seminário de Associativismo gratuito. Evento acontece no dia 29 de março e tem inscrições abertas


Dirigentes e produtores de associações produtivas de Piritiba, Centro-Norte baiano, terão a oportunidade de conhecer, de forma gratuita, o associativismo e seus benefícios no dia 29 de março, no seminário Redes Associativas – Despertando para o Associativismo. A capacitação, realizada em parceria do Sebrae com a Prefeitura de Piritiba, por meio da Secretaria Municipal da Agricultura, acontece às 8h, no Teatro Municipal Carlos Sampaio, localizado na Praça Getúlio Vargas, Centro.

O seminário oferece 60 vagas e tem como objetivo organizar as associações, além de promover um melhor conhecimento sobre o associativismo. A capacitação é desenvolvida por meio da tecnologia do programa No Campo, sendo aplicada pelo projeto de Desenvolvimento Econômico e Territorial (DET), ambos do Sebrae.

“Com organização e incentivo à produção fomentando a economia do município e região, podemos ter, consequentemente, o aumento no número de emprego e na renda, além do fortalecimento do comércio local”, explica Arnaldo de Oliveira Filho, técnico do Sebrae e responsável pelo DET na unidade regional do Sebrae em Jacobina.

O DET tem como foco estratégico ampliar o atendimento com excelência aos pequenos negócios, por meio da assistência técnica voltada para gestão, inovação, acesso a novos mercados e serviços financeiros. O projeto iniciou suas atividades na região em 2015 e seguirá até o final de 2017.

Mais informações sobre o projeto podem ser obtidas no Sebrae em Jacobina, localizado na Rua J.J. Seabra, 69, Bairro da Estação, ou pelo telefone (74) 3621-4342.

Sobre o Projeto de Desenvolvimento Econômico Territorial

O objetivo do projeto de Desenvolvimento Econômico Territorial (DET) é contribuir com a inclusão produtiva e a geração de novos negócios, desenvolvendo as atividades geradoras de emprego e renda, e fomentando o empreendedorismo baseado no potencial de oportunidades e vocações locais.

Por meio de parcerias em cada município, o Sebrae oferece consultorias tecnológicas e de gestão e os programas Na Medida, No Campo, e Negócio a Negócio aos produtores, empresários de pequenos negócios, microempreendedores individuais (MEI) e potenciais empresários.

A intenção é ampliar a formalização dos negócios na região e o número de municípios que aplicam a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa, além de aumentar os recursos gerados e retidos no território, dinamizar a economia nos municípios e qualificar os pequenos negócios para competir no mercado.

Comments

Comentários

Anterior Governo tira servidores estaduais e municipais da reforma da Previdência
Próxima Morro do Chapéu realiza pregão presencial para merenda e transporte escolar.